[Itália] A campanha para o novo espaço libertário em Modena terminou! Stella Nera dobra de espaço!

Um pouco mais de um ano após o lançamento da campanha pública “Verso la Comune“, anunciamos o nascimento do projeto em uma fazenda na baixada Modenense. Depois de uma longa série de reuniões com vários núcleos autogestionados de diversas partes da Itália, assembleias públicas, encontros temáticos e debates, chegamos à abertura deste novo espaço libertário. Desde o início da campanha construímos um novo coletivo que será estabelecido na cidade em conjunto com o coletivo Black Star para aumentar a nossa projeção e presença no território de Modena.

Pretendemos levar a política que propusemos há 7 anos na cidade, ao nosso cotidiano, criando modos de vida diferentes daqueles a que somos forçados pelo sistema capitalista.

Como?

A primeira casa coletiva está nascendo, onde a solidariedade e a cumplicidade da vida comum recuperarão a força, contra o individualismo e a desintegração a que estamos acostumados.

Um lugar onde você terá a possibilidade de criar espaços de sobrevivência e autossustentabilidade. Será iniciado um projeto agrícola, oficinas de autoprodução, haverá um forno comum e espaço para todas as propostas que virão juntas.

A autogestão será realizada através de vários grupos de trabalho divididos entre habitação, produções autônomas e iniciativas políticas e sociais.

Conectar o campo com a cidade

Desde 2017 somos um dos fundadores da rede “Alimentazione Ribelle“, que tem três mercados orgânicos autogeridos em Modena, e esta será uma excelente oportunidade para construir um circuito de trocas e distribuição solidária entre os projetos da cidade.

Não só uma casa comum

O espaço de habitação autossustentável também será utilizado para outros tipos de projetos. Haverá uma sala de ensaios e um novo espaço onde você poderá organizar iniciativas sociais e festas comuns.

Um novo espaço será aberto onde serão realizados eventos culturais e de contrainformação.

Hospitalidade

No espaço é possível encontrar alojamento, abrigo e hospitalidade continuamente, para todos aqueles que queiram participar dos projetos e das iniciativas que serão organizadas.

Um espaço aberto

Não queremos esse lugar fechado, onde somente alguns gozarão dos benefícios, mas, ao contrário, procuraremos fazer uma distribuição igualitária do espaço para todos e todas. Quando não houver mais espaço físico disponível, lançaremos uma nova campanha pública para a abertura de uma segunda casa coletiva.

Contra toda forma de autoridade

Como seguimos com o princípio da “Stella Nera“, não aceitaremos nenhum tipo de preconceito: sexismo, racismo e fascismo de qualquer tipo não serão aceitos.

Há um século de distância

Um pensamento que nos traz de volta ao passado com amor para reabrir um espaço na baixada Modenense, berço do movimento anarquista e de muitas figuras relevantes do movimento libertário do início dos anos 900.

Anarquia é uma organização, por isso continuaremos agindo e construindo projetos concretos que farão florescer comunidades autogeridas a partir de baixo.

Em tudo que estamos propondo, vemos uma oportunidade real de criar uma alternativa ao sistema capitalista. Até que esses movimentos tenham a força de desintegrar todas as formas de autoridade e desigualdade, continuaremos difundindo-os e propondo-os incansavelmente.

Collettivo Libertario Anarchico Stella Nera

Tradução > Antikaikki

agência de notícias anarquistas-ana

Lua crescente.
Onde está a outra parte?
Derramou no mar.

Rafael Medeiros

Leave a Reply