[EUA] Cante sua canção

por Dave Hanson

Sendo a liberdade permitida, somos seres encantados. O encantamento começa com nossa canção pessoal e humana, que, uma vez descoberta, abre uma janela para o cosmos, permitindo-nos experimentar a realidade com menos limites.

A canção, primeiro pessoalmente e depois comunitariamente, é a ferramenta primordial que libera nossa percepção da realidade mais profunda e nos permite agir a partir dessa visão. Esse processo é profundamente conectado, integrado e anárquico.

No mundo de 10.000 anos atrás, com a religião, as cidades-estado e a agricultura em ascensão, o encantamento tornou-se perigoso para aqueles que governariam os outros. Em uma nova escala, a dominação se tornou institucionalizada.

É interessante notar como as religiões e instituições estatais perpetuam remanescentes de canções para seus próprios propósitos. A canção é importante na igreja e na política, com as autoridades opressivas mantendo um controle tênue sobre nós através do som ritual.

Quando nos dizem o que cantar e quando, a canção não é nossa. A canção ritualizada pode nos aproximar um do outro e de concepções grupais do sagrado, mas sufoca a conexão não-religiosa e apolítica com o mundo.

Nossa liberdade exigirá novas canções e danças.

Cada um de nós tem uma canção para descobrir, que ao ser encontrada, é completamente livre de autoridade e linguagem simbólica. Não é música, mas ressoa em nossos ossos e abre nossa visão.

Cantada com propósito pessoal, nos conecta ao mundo que perdemos e nos leva à cura. As canções pessoais e comunitárias evoluem com o tempo e são impermanentes, como todas as coisas.

Este corpo, estas cordas vocais, estes pés dançantes, conectados a este grão de poeira, este minúsculo pacote de informações percorrendo o cosmos desaparecerão em um segundo, mas enquanto aqui, nesta forma, pode nos levar de volta ao encantamento.

> Dave Hanson ensinou ciência e arte há 20 anos e ensina xamanismo nos últimos 35 anos. Ele mora na floresta na Península Olímpica. dhanson (arroba) olypen (ponto) com

Fonte: Fifith Estate # 404, Verão de 2019

Tradução > abobrinha

agência de notícias anarquistas-ana

Num dia de outono
Leio um haicai e penso
Uau, demais!

Geraldo Manoel Domingues Jr. – 9 anos

One response to “[EUA] Cante sua canção”

  1. Anônimo

    Momento confuso esse que vivemos
    Chamada no Zoom não é Revolta
    Espernear do conforto e do privilégio branco,do “home office anarquista” não é solução,tampouco ajuda quem é obrigado a trabalhar todos os dias.

    Solidariedade não é apenas entregar máscaras, é prática diária
    Afinidades não é pensar igual
    Organizar não é fundar mais um grupelho, coletivo ou sociedade anarka, é tornar esse mundo habitável de outro modo

    Abraços,camaradagem,poesia, também precisamos. Todos os dias

Leave a Reply