Campanha nacional contra a farsa eleitoral: “Não vote! Lute e construa o Sindicalismo Revolucionário!”

campanha-nacional-contra-a-farsa-eleitoral-nao-v-1

Rompendo com a polarização das eleições, militantes das organizações organizadas na FOB foram às ruas de todo o Brasil, no último dia 28 para divulgar a campanha “Não Vote! Lute e construa o Sindicalismo Revolucionário!”.

O objetivo da campanha é reafirmar o boicote eleitoral como instrumento para construir organização popular e capacidade de resistência ao poder nos dias sombrios que se avizinham, contra qualquer governo de plantão, lutando e construindo resistência por fora e contra as urnas da democracia burguesa e seu Estado opressor, para enfrentar e derrotar o fascismo e a ofensiva neoliberal nas ruas com ação direta popular e luta combativa de massas.

As ações se desenrolaram em diversos estados como Distrito Federal, Ceará, Goiás, Piauí, Rio de Janeiro, São Paulo e Bahia em estações de trem, rodoviárias, praças das cidades e feiras urbanas, buscando levar ao proletariado uma mensagem de organização e luta contra o capital!

No Ceará, os militantes realizaram uma panfletagem na Praça da Estação com atividades de agitação para cativar o público. No Rio de Janeiro, o ponto de encontro foi nas portas da Estação Central do Brasil, onde milhares de pessoas de diversas regiões do Estado transitam. Em Goiás, a atividade se desenvolveu na Feira Hippie levando a mensagem do “Não Vote” e do Sindicalismo Revolucionário aos trabalhadores que transitavam.

Já em Brasília, a atividade se desenvolve nas portas da Rodoviária do Plano Central. Em Juazeiro, na Bahia, os panfletos foram muito bem recebidos pela população, principalmente pelos trabalhadores ambulantes da cidade.

Dias antes, em 15/09, militantes de São Paulo também realizaram atividade de panfletagem na Praça da Sé distribuindo adesivos e panfletos para a população.

Essa série de atividades cumpriu um importante papel de reafirmar o boicote eleitoral e demonstrar um caminho a ser seguido pelos trabalhadores do Brasil: o do Sindicalismo Revolucionário.

A militância dos Comitês “Não vote, lute” também participaram de outras atividades políticas, como o “Grito dos Excluídos” no dia 7 de setembro e do ato “#elenão”. Promoveram pixações pelas ruas das cidades. Outras organizações, como a Frente Internacionalista dos Sem Teto (FIST), também faz campanha de boicote às eleições.

Enfrentar o Fascismo e o Capital é construir o Sindicalismo Revolucionário! É construir as organizações populares que sejam capazes de resistir e construir um novo caminho para o povo brasileiro.

>> Endereço dos Comitês:

Comitê Não Vote, Lute – GO

https://www.facebook.com/comitenaovotelutego/

Comitê Não Vote, Lute – PI

https://www.facebook.com/cnvl.pi/

Comitê Não Vote, Lute – CE

https://www.facebook.com/cnvl.ce/

Comitê Não Vote, Lute – Bahia

https://www.facebook.com/eleicaoefarsa/

Fonte: https://lutafob.wordpress.com/2018/10/05/rmc-campanha-nacional-contra-a-farsa-eleitoral-nao-vote-lute-e-construa-o-sindicalismo-revolucionario/

Conteúdos relacionados:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2018/08/06/o-criminoso/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2018/06/08/elisee-reclus-nao-vote-aja/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2018/05/21/nao-vote/

agência de notícias anarquistas-ana

Voar sempre, cansa –
por isso ela corre
em passo de dança

Eugénia Tabosa

Leave a Reply