[Uruguai] Não a cúpula do G20, nem ao mundo que a torna possível

A região foi militarizada agora que os líderes autoproclamados do mundo estão se reunindo na Argentina? Não.

Nós só podemos falar de umas movimentações de botões na região, mas a militarização é um processo que vem acontecendo há vários anos, que une as diferentes forças que agora voam sobre estas terras e as autóctones é seu objetivo: a defesa do capital, os negócios e a destruição, se necessário, do planeta.

A “contra-cúpula” com os ex-presidentes não é apenas um dispositivo de recuperação, mas uma grande falta de respeito pelas pessoas. Eles abriram o caminho para a militarização e o extrativismo, que têm fortalecido a exploração capitalista, e finalmente, promovendo o neofascismo que está se instalando e que não tem um pingo de vergonha e em seu cinismo ainda não entendem sua responsabilidade nisto e que seu tempo já passou.

Destruição suficiente deixou o progressismo armando e fortalecendo o capitalismo financeiro, enfraquecendo e atacando as bases sociais que poderiam ter dado uma resposta à morte organizada das empresas.

Esquivar do show do G20 é enfrentá-lo. Minar as bases que tornam isso possível é parte da responsabilidade de todos aqueles que querem um mundo baseado em algo que não seja lucro e destruição.

O problema não é quem manda, mas o comando em si.

O problema não é quanto a mercadoria nos toca, mas o mundo que nos transforma em mercadoria.

O vácuo “existencial” deixado pelo progressismo é ideal para o advento da direita e seu fanatismo. Seu setor ultra está bem posicionado para encontrar espaço, espaço deixado pelas convicções destruídas pela esquerda. Em suma, os dois polos do capital, sua direita e sua esquerda, são os que trazem os novos salvadores da gestão democrática.

Recuperemos o destino de nossas vidas. Vamos auto-organizar nossa raiva e desejos por melhores formas de vida. A luta não passa pelo espetáculo. Não ao G20, não ao mundo que o sustenta.

R.M.

Tradução > Liberto

Conteúdo relacionado:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2018/11/14/argentina-buenos-aires-chamado-contra-o-g20/

agência de notícias anarquistas-ana

A chuva passou.
A noite um instante volta
A ser fim-de-tarde.

Paulo Franchetti

Leave a Reply