[Itália] Encontro Internacional pela Libertação Animal em Roma | 26 a 28 de julho

Roma, 26 a 28 de julho de 2019

Uma ocasião para nos encontrarmos para compartilhar análises e habilidades e debater experiências e estratégias na luta contra a opressão dos animais e da destruição de seus habitats naturais. Uma luta que, para nós, é parte de uma luta mais ampla contra toda forma de exploração, opressão e autoridade e pela libertação total.

Esse encontro deseja conectar individualidades e pequenos grupos de pessoas com mentalidades afins, para trabalhar pela libertação animal de um modo que é radicalmente diferente ao do trabalho realizado pela maioria dos grupos de direitos animais hoje em dia. Os grupos de ativistas das causas animais carecem de uma política mais ampla, seja pela apatia política ou por eleições planejadas, e estão se tornando cada vez mais chamativos para pessoas com pontos de vista fascistas, nacionalistas, sexistas e racistas. Por outro lado, nos últimos anos um enfoque reformista, que confia nas mídias de massa, no capitalismo de mercado e no diálogo com o Estado tem se estendido em partes do movimento dos direitos dos animais. Estaremos falando sobre a situação em nossos países e sobre como reconstruir um movimento radical.

Nós gostaríamos que o encontro se centralizasse especialmente em propostas estratégicas e práticas, além de discussões filosóficas e teóricas. Queremos que seja um lugar para compartilhar nossas experiências, para encontrar inspiração e ver o que está funcionando e o que não em nossos países, com respeito aos nossos esforços para incitar mais uma vez uma luta pela libertação animal que seja anarquista e interseccional. Este encontro é uma continuidade do Encontro Europeu de Libertação Animal que ocorreu em Bilbao¹ de 1 a 3 de Junho de 2018 e os anteriores em Bristol² e Marsella³.

A luta anarquista pela libertação de qualquer forma de autoridade e poder é o marco no qual concebemos a luta pela libertação animal. Há muitas pessoas que não se definiriam como anarquistas, mas também se opõe à hierarquia e à domesticação, ficaríamos honrados que essas pessoas pudessem fazer parte desse encontro.

Queremos construir uma rede onde possamos trabalhar coletivamente para construir laços solidários e resistir à repressão. A luta pela libertação animal para nós está fortemente interconectada com outras lutas pela libertação (contra o patriarcado, a homo/transfobia, o racismo, a colonização, a destruição do meio ambiente, etc.) e necessita escutar e conectar-se com as pessoas mais afetadas por estas opressões, e sua luta para construir um movimento inclusivo, que não reproduza as hierarquias dominantes.  Outros aspectos importantes que queremos falar são o apoio e a ação direta aos prisioneiros.

Queremos que esse encontro seja completamente auto-organizado. Proporemos vários debates, porém queremos deixar espaço para que todo mundo possa propor um debate. Incentivamos especialmente aos companheiros e ativistas a participar e compartilhar suas experiências de luta pela libertação animal em seu país ou suas habilidades práticas. Se quiser propor uma apresentação, por favor entre em contato com uma breve descrição dela.

animalgathering2019.noblogs.org

[1] Bilbao 2018: https://animalliberationgathering.wordpress.com/

[2] Bristol 2017: https://bristolliberationgathering.wordpress.com/

[3] Marseille: ratattack@riseup.net

Tradução > Daitoshi

Conteúdos relacionados:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2018/05/02/pais-basco-encontro-europeu-de-libertacao-animal-2018/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2013/10/17/italia-cronica-do-ix-encontro-de-libertacao-animal/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2011/02/25/cronica-do-segundo-encontro-de-libertacao-animal-na-bolivia/

agência de notícias anarquistas-ana

Choveu de manhã:
as lagartas abrem trilhas
na folha de urtiga

Luiz Bacellar

Leave a Reply