[Espanha] Agressão fascista | Comunicado de Fraguas

Domingo passado, 18 de agosto de 2019, nas primeiras horas da manhã, umxs companheirxs afins a Fraguas¹, que estavam dormindo em um monte próximo, sofreram uma agressão física e intimidadora por parte de cinco homens que disseram que vivem na região de Arbarcón, perto de Fraguas.

Esses homens se esconderam na floresta e correram em direção axs oito companheirxs, armados com barras de metal e paus. Espancaram quatro delxs, ameaçaram umx com uma faca de cozinha e obrigaram-x a deitar no chão. Xs companheirxs conseguiram acalmá-lxs e conversar com elxs para que saíssem. Dois dos agressores ameaçaram retornar a Fraguas com mais pessoas para atacar o povoado. As pessoas agredidas ouviram falar que entre eles havia um militar e um deles se autodenominou nazi.

Fomos informados que na noite anterior, durante as festas de Cogolludo², situações semelhantes ocorreram nas quais diferentes pessoas foram agredidas.

De Fraguas, pedimos à sociedade civil, axs vizinhxs de Albarcón e a todos os coletivos afins de Fraguas que denunciem essas agressões, que apoiem e se solidarizem conosco e com todas as pessoas que nos apoiam na resistência do povoado. Denunciamos as agressões violentas tanto a companheirxs da resistência como a outras pessoas que podem ter sofrido agressões por parte destes indivíduos. Esperamos que todas as pessoas agredidas se recuperem logo, e que cesse a hostilidade em relação a Fraguas, às pessoas que nos apoiam e a qualquer vizinha ou vizinho da região. Nos solidarizamos com nossxs vizinhxs de Arbarcón porque têm que lidar com esses indivíduos que restringem a liberdade da sua vizinhança todos os dias.

Estamos preocupadxs com nossa segurança no povoado e pedimos que as pessoas venham apoiar, pensamos que esses atos podem ser parte de uma estratégia para que haja uma escalada de violência e tentem nos desacreditar. De Fraguas mantemos nosso compromisso com os povoados vivos e a resistência pacífica.

Nosso sonho de viver neste povoado segue vivo, cuidando da terra, das pessoas que vivem nela e de nossas vizinhas e vizinhos. Necessitamos de pessoas para cuidar do projeto e poder seguir em frente. Aproximem-se de Fraguas.

fraguasrevive.blogspot.com

>> Notas:

[1] Povoado abandonado a mais de 50 anos no Parque Natural de la Sierra Norte na província de Guadalajara, região central da Espanha.

[2] Cidade ao sul de Fraguas.

Tradução > keka

Conteúdos relacionados:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2019/06/28/espanha-fraguas-resiste/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2019/06/24/espanha-chamado-a-resistencia-em-fraguas/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2018/12/24/espanha-documentario-fraguas-uma-historia-de-resistencia-rural/

agência de notícias anarquistas-ana

O vento leva
as folhas e a poeira…
voam as lágrimas

Karen Aniz

Leave a Reply