[Espanha] CNT rejeita o novo acordo de empresa na INNOVIA COPTALIA – Servei Català de Trànsit

Recentemente, a direção da empresa INNOVIA COPTALIA, SAU assinou um acordo de empresa para o contrato de manutenção e segurança rodoviária do Serviço Catalão de Trânsito, com dois dos três delegados de pessoal que estavam no contrato anterior, antes da sub-rogação.

A seção sindical da CNT, em uma declaração aos trabalhadores, denunciou que o acordo visa regular para baixo várias condições de trabalho que não estavam em conformidade com o acordo de construção até o momento.

Algumas das questões mais relevantes que, na opinião da CNT, representam uma perda das condições de trabalho são: concordar com a distribuição irregular da jornada de trabalho de segunda a domingo, fato que vem acontecendo desde o início, prejudicando seriamente o direito à conciliação trabalho-família; criar um bônus que evite ter que pagar horas extras (usual na distribuição irregular da jornada de trabalho), perdendo contribuições à previdência social.

Por outro lado, está sendo feita uma tentativa de converter contratos temporários de trabalho e serviço em contratos permanentes. Entretanto, isto foi possível graças à ação da Inspetoria do Trabalho e da Previdência Social na sequência das queixas apresentadas pela seção sindical da CNT. Na verdade, já existe um trabalhador cujo contrato de trabalho e serviço em tempo parcial foi convertido em um contrato de tempo integral por tempo indeterminado.

A representação sindical da CNT acredita que a empresa está muito confortável em negociações coletivas com representação unitária, como foi demonstrado por este último “pacto empresarial” que beneficia a empresa mais do que a força de trabalho. É por isso que os serviços jurídicos do sindicato estão estudando o novo acordo em detalhes para garantir que nenhum outro direito trabalhista seja perdido.

Finalmente, nossa seção sindical anunciou que continuará a trabalhar para garantir que todos os trabalhos necessários para cumprir com o serviço de segurança rodoviária do C-17 sejam respeitados, bem como a discriminação atual nas categorias profissionais da força de trabalho.

Fonte: https://www.cnt.es/noticias/cnt-rechaza-el-nuevo-pacto-de-empresa-en-innovia-coptalia-servei-catala-de-transit/

Tradução > Liberto

agência de notícias anarquistas-ana

Gota de orvalho
na coroa dum lírio:
Jóia do tempo.

Érico Veríssimo

Leave a Reply