[Espanha] Cádiz: Concentração em homenagem às vítimas do fascismo em Puerto Real

Em uma manhã quente, e após um ano em suspensão devido à pandemia, a Associação pela Recuperação da Memória Histórica Social e Política de Puerto Real, organizamos no último domingo 12/09, às 11h00, a XV Concentração-Homenagem aos assassinados da Guerra Civil em Puerto Real. Este evento foi iniciado pelo companheiro Paco Aragón, como porta-voz da Associação. Depois de recordar as inumações das duas pessoas que deram positivo na análise do DNA, e da situação atual das negociações para a construção dos columbários (onde serão colocados os restos – não positivos – dos corpos exumados da fossa), ele continuou explicando as atrocidades cometidas pela ditadura franquista.

Deixando claro que em Puerto Real, como em muitas outras cidades e vilas, não houve guerra, mas repressão, ele passou a dar um relato detalhado dos procedimentos repressivos exercidos pela ditadura: genocídio, fuzilamentos em massa, desaparecimentos sistemáticos, prisões igualmente em massa, campos de internação e trabalhos forçados, institucionalização da tortura, exílio interno e externo, decapitação das liberdades, etc. Em seguida, Pepe Gómez, após uma breve introdução dedicada à importância de dar voz aos assassinados, recitou um poema dedicado aos que ainda estão desaparecidos. O evento, que contou com uma nutrida assistência, culminou com a canção “Desaparecidos”, de Mario Benedetti e Daniel Viglietti, que tanto nos comove, e depois a oferenda de buquês de flores por parte dos familiares.

Puerto Real. Setembro 2021.

Fonte: https://www.cnt-ait.org/cadiz-concentracion-en-homenaje-a-las-victimas-del-fascismo-en-puerto-real/

agência de notícias anarquistas-ana

prosa de chuva
deságua em trova
trêmulo trovão

Luciana Bortoletto

Leave a Reply