[Suécia] Declaração da ARNA sobre a manifestação antifascista em Gotemburgo

Hoje (30/09) foi um dia histórico na Suécia; o dia em que os antifascistas bloquearam exitosamente uma marcha Neonazista, a primeira vez desde a década de 90. Os nazis foram cercados pela polícia – forçada pela ação massiva de militantes. Nós impedimos os fascistas de sequer chegarem ao seu ponto de partida. Hoje, nós vencemos. Essa vitória nos mostra que é nos mantendo unidos, sendo combativos e inabaláveis enquanto permanecemos plurais, que nós somos capazes de vencer. Nós conseguimos. Não é uma vitória do Estado e da democracia liberal, mas sim a vitória do movimento – contra o Estado e contra o fascismo.

Dito isto, nós acreditamos que podemos melhorar nossa atitude nas ruas. Precisamos desenvolver e organizar uma militância que, em grande parte, previna agressões contra nossos camaradas, que inclua mais pessoas e que consiga fazer frente aos cordões policiais durante mais tempo e de uma forma melhor. A prática leva a perfeição.

Nas ruas nós vimos uma jovem discutindo com um homem mais velho que estava perturbando os manifestantes. Ao final, a jovem gritou desafiadoramente “Eu é que sou o futuro!”. Essa imagem ressoou conosco. O futuro pertence àqueles que lutam contra o Estado e contra o capital e não àqueles que pisam em cadáveres para proteger o decadente status quo.

Deve ser mais uma vez apontado que é justamente dentro das contradições do liberalismo que grupos fascistas são gerados, como o Movimento de Resistência Nórdica (MRN). O capitalismo está em decadência e o liberalismo colapsando de volta para a sua natureza autoritária. A “liberdade de expressão” se tornou a bandeira sob a qual racistas em todos os países nórdicos – e, de fato, no mundo inteiro – envenenaram a opinião pública. Os liberais acreditam que seja razoável usar massivamente a violência, a violência do Estado, para proteger e defender fascistas. Isso também ficou evidente hoje. Nossa vitória sobre os fascistas – desde restringir as suas manifestações em tribunais até impedi-los nas ruas – sempre foi baseada tanto em limitá-los fisicamente quanto em confrontar politicamente o liberalismo.

Nós queremos mandar nossas saudações para todos os camaradas que lutaram nas ruas, todos os que apanharam ou foram presos pela polícia, para todos que vieram para as ruas e impediram a marcha neonazista. Hoje foi um dia histórico. Hoje, nós vencemos.

Combate ao fascismo, esmague o liberalismo!

ARNA

Autonomous Revolutionary Nordic Alliance – Aliança Autônoma Revolucionária Nórdica

30 de Setembro de 2017

infoarna.org

Tradução > VizualWatcher

Conteúdo relacionado:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2017/09/22/suecia-arna-convocacao-geral-para-a-marcha-contra-os-nazis-em-gotemburgo/

agência de notícias anarquistas-ana

Às dez da manhã
O cheiro de eucalipto
Atravessa a estrada

Paulo Franchetti

Leave a Reply